Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/5685
Tipo: Trabalho de conclusão de graduação
Título: Dinâmica conformacional dos domínios aminoterminais RRM1-2 do regulador pós-transcricional HuR
Autor(es)/Inventor(es): Jendiroba, Kleber Avila
Orientador: Pinheiro, Anderson de Sá
Resumo: O antígeno humano R (HuR) atua como regulador pós-transcricional da expressão gênica através da sua atividade estabilizadora de RNA mensageiro. HuR é composta por três domínios funcionalmente distintos denominados motivos de reconhecimento de RNA (RRM, do inglês “RNA Recognition Motif”). Os domínios amino-terminais RRM1 e RRM2, dispostos em tandem, são responsáveis pela interação da proteína com sequências ricas em adenina e uracila presentes na região 3’ não-traduzida do mRNA. O presente trabalho teve como objetivo a caraterização dinâmica do domínio RRM1-2 de HuR por Ressonância Magnética Nuclear (RMN) e mobilidade iônica acoplada à espectrometria de massa (IMMS), buscando esclarecer o mecanismo pelo qual HuR reconhece de maneira específica seus alvos de RNA. Com base do RMN multimensional em alta resolução, foi possível assinalar 98% das ressonâncias de RRM1-21-189, com exceção dos resíduos Met1, Ile152, Ile179 e os artefatos de clonagem N- e Cterminais. Durante o processo, foi observado a presença de ressonâncias extras no espectro de [1H,15N] HSQC, sugerindo, pelo menos, uma segunda conformação minoritária em solução. O fato dos deslocamentos químicos do RRM1 tanto isolado quanto no tandem RRM1-2 se mostrar semelhante, sugere ausência de contatos entre os domínios N-terminais. A região N-terminal que é intrinsicamente desordenada e o “linker” entre os domínios são altamente flexíveis, como demonstram os resultados de dinâmica. Além disso, as alças L3 (RRM1), L3’ e L5’ (RRM2) experimentam dinâmica térmica. O valor de c estimado para RRM1-21-189 comparado a de uma proteína globular de massa molecular similar sugere um comportamento dos domínios RRM1 e RRM2 como módulos independentes em solução. O tandem RRM1-21-189 não experimenta troca conformacional em regime intermediário, como indicam os dados de dispersão de relaxação. Porém, foi observado que determinados resíduos apresentam, nas frequências intermediárias, um aumento de R2eff, sugerindo um regime de troca mais lento. Os dados de ESI-IM-MS sugerem que RRM1-21-189 na forma livre apresenta três conformações co-populadas. Esses resultados sugerem que a dinâmica na interação da HuR com seus substratos de RNA segue um mecanismo de seleção conformacional.
Palavras-chave: Domínios RRM1-2
Regulador pós-Transcricional HuR
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::BIOQUIMICA
CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::QUIMICA::QUIMICA ORGANICA
Departamento: Instituto de Química
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: 16-Dez-2016
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/5685
Aparece nas coleções:Química

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Kleber Avila Jendiroba.pdf2,62 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.