Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/5777
Tipo: Trabalho de conclusão de graduação
Título: Análise de acilgliceróis e determinação do teor de glicerol total em amostras de biodiesel por métodos enzimáticos e não cromatográficos, após separação e isolamento das principais classes constituintes por extração em fase sólida
Autor(es)/Inventor(es): Muniz, Renan de Oliveira
Orientador: Andrade, Débora França de
Coorientador: D'Elia, Eliane
Resumo: A reação de transesterificação produz uma mistura de ésteres de ácidos graxos (biodiesel). Durante a reação existe, também, a formação de monoacilgliceróis (MAG) e diacilgliceróis (DAG), que são intermediários do processo, além de glicerol livre (GL), co-produto da reação e de triacilgliceróis (TAG) que não reagiram por completo. Esses são os principais contaminantes do biodiesel e podem levar a sérios problemas ambientais e operacionais quando utilizados em motores a combustão. Com o aumento da relevância do biodiesel na matriz energética brasileira, a garantia das propriedades e da qualidade do mesmo é um aspecto chave para o sucesso na sua comercialização e aceitação no mercado. Sendo assim, o estabelecimento de padrões de qualidade que fixam teores dos contaminantes no biodiesel é primordial para se garantir a qualidade do produto final. Com isso, novas técnicas de análise menos dispendiosas e mais rápidas precisam ser desenvolvidas, sem que haja perda de sensibilidade. Neste projeto, foi utilizada a técnica de extração em fase sólida (EFS), aplicando cartuchos com fase estacionária de aminopropilsilano, para a separação e o isolamento das principais classes constituintes (GL, MAG, DAG e TAG) e ésteres metílicos de ácidos graxos (EsMAG). Como o método de referência, baseado na técnica de cromatografia em fase gasosa, apresenta como desvantagem o alto custo, em virtude do uso de agentes derivatizantes, a proposta inovadora deste projeto consistiu em associar a metodologia de separação por EFS a métodos de detecção simples, eletroquímico e espectrofotométrico, baseados em reações enzimáticas. Neste projeto, foram utilizadas amostras de biodiesel de diferentes oleaginosas, que foram analisadas pelo método de referências e pelos métodos propostos, após separação por EFS. Pela avaliação qualitativa da separação, por Cromatografia Líquida de Alta Eficiência em Fase Reversa Não Aquosa (CLAE-FRNA), pôde-se concluir que houve uma boa separação das amostras, gerando duas frações enriquecidas nos seus principais constituintes (EsMAG e glicerina total), apresentando um bom percentual de recuperação (entre 96,51 e 107,9%) de glicerina total. Os resultados da análise de glicerina total foram comparados estatisticamente pelo teste t de Student, evidenciando que os métodos propostos geraram resultados estatisticamente semelhantes ao do método de referência, com 95% de confiança.
Palavras-chave: Biodiesel
Extração em fase sólida
Métodos enzimáticos
Espectrofotometria
Cronoamperometria.
Transesterificação
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::QUIMICA::QUIMICA ORGANICA
Departamento: Instituto de Química
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: Set-2016
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/5777
Aparece nas coleções:Química

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ROMuniz.pdf1,6 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.