Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/6024
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorBonifacio, Daniel Alexandre Baptista-
dc.contributor.authorCastelo, João Henrique Martins-
dc.date.accessioned2018-12-20T12:16:14Z-
dc.date.available2018-12-22T02:00:15Z-
dc.date.issued2018-01-31-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11422/6024-
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio de Janeiropt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectRadioterapiapt_BR
dc.subjectMedicina nuclearpt_BR
dc.subjectRadioproteçãopt_BR
dc.subjectTecnologias em Saúdept_BR
dc.titlePlataforma online para auxílio nas definições de restrições de proteção radiológica em pacientes de iodoterapia.pt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.contributor.referee1Bonifacio, Daniel Alexandre Baptista-
dc.contributor.referee2Gonçalves, Odair Dias-
dc.contributor.referee3Sá, Lídia Vasconcellos de-
dc.description.resumoA realização de terapias com fontes radioativas não-seladas, como o 131I, deve levar em conta a proteção radiológica durante todo o procedimento, desde o preparo do radiofármaco à alta do paciente. A Norma 3.05 da Comissão Nacional de Energia Nuclear aponta valores de taxa de dose a dois metros do paciente como indicador de alta do paciente. Todavia, não consta nesta norma indicações de restrições após a alta, em termos de tempo e distância do paciente a membros da família, ao público em geral, as crianças ou a colegas de trabalho. A intenção da CNEN 3.05 de dar liberdade ao supervisor de radioproteção, pois os pacientes submetidos a iodoterapia possuem características socioeconômicas bem diversificadas, gera uma não uniformidade no fluxo de liberação. Neste trabalho, foi desenvolvida uma plataforma disponível via web, para auxílio do supervisor de radioproteção nas definições de restrições proteção radiológica em pacientes de iodoterapia, levando em conta a meia-vida efetiva do radiofármaco, dependente da resposta fisiológica do paciente, e detalhes de sua rotina social. A plataforma foi implementada em linguagem Python, validada seguindo as recomendações da NRC 8.39 e acrescidas novas metodologias ao cálculo já existente. A ampla utilização da plataforma proporcionará uma base de dados multiparamétrica relacionada à terapia com 131I. Tais informações poderão fornecer diretrizes para as políticas de saúde pública e auxiliar órgãos regulatórios e normativos brasileiros nas definições de restrições deste procedimento.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentInstituto de Físicapt_BR
dc.publisher.initialsUFRJpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::FISICA::FISICA NUCLEARpt_BR
dc.embargo.termsabertopt_BR
Appears in Collections:Física Médica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PLATAFORMAONLINEPARAAUXILIO_TCC_JOAOCASTELO.pdf955,04 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.