Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/6059
Type: Trabalho de conclusão de graduação
Title: Análise de composição nutricional e produção de enzimas em resíduo de Macaúba após fermentação no estado sólido
Author(s)/Inventor(s): Moura, Nathalia Machado Lino de
Advisor: Freire, Denise Maria Guimarães
Co-advisor: Torres, Alexandre Guedes
Abstract: A busca por matérias-primas naturais no âmbito do desenvolvimento tecnológico, em qualquer setor, vem sendo prioridade nas grandes indústrias. Um exemplo é a procura por fontes alternativas para produção de biodiesel. Atualmente, a maior parte do biodiesel produzido no Brasil utiliza o óleo de soja como matéria-prima, entretanto, a possibilidade de diversificação e apoio à agricultura familiar abrem perspectivas promissoras para utilização de outras espécies, como a macaúba (Acromia Aculeata). Com a extração do óleo da macaúba são gerados resíduos sólidos como a torta da polpa, pobre em proteína e bastante fibrosa, podendo ser utilizada como insumo calorífico para caldeiras ou como fertilizante para os campos cultivados de macaúba, tanto “in natura” como na forma de cinzas (CETEC,1983). Estes produtos poderiam ser utilizados para fins mais nobres (maior valor agregado) como, por exemplo, rações. Entretanto, para este fim necessitariam ser melhorados quanto à sua digestibilidade (diminuição de fatores anti- nutricionais) e teor protéico/ nutricional. Deste modo, o presente trabalho avaliou a utilização da Fermentação no Estado Sólido (FES) na torta de macaúba por fungos filamentosos oriundos da coleção de cultura do LaBiM (Laboratório de Biotecnologia Microbiana- IQ/UFRJ). Além da produção de enzimas, este processo avaliou o enriquecimento nutricional do rejeito utilizado pela redução de componenetes anti-nutricionais e produção de proteínas microbianas. Dentre os fungos utilizados, o P.brevicompactum apresentou maior atividade lipásica (27 U/g) em 72 horas, atividade fitásica (0,1U/g) por 96 horas e tanásica de 8 U/g em 96 horas de fermentação. Entretanto, as maiores reduções dos teores de fatores anti-nutricionais foram observados nas fermentações com o Aspergillus tamarii (87% de redução de ácido fítico) e Aspergillus niger (50% de redução de substâncias tânicas). Em relação ao teor protéico, as proteínas geradas pelo crescimento fúngico não foram suficientes para resultar no enriquecimento, possivelmente apenas substituíram as que foram consumidas pelos mesmos.
Keywords: Composição nutricional
Enzimas
Óleo de macaúba
Fermentação.
Subject CNPq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::QUIMICA
CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::BIOQUIMICA
Department : Instituto de Química
Publisher: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Issue Date: 5-Apr-2012
Publisher country: Brasil
Language: por
Right access: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/6059
Appears in Collections:Química

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Nathalia Machado Lino de Moura.pdf339,45 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.