Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/6612
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorBarros, Chalini Torquato Gonçalves de-
dc.contributor.authorVilardo, Isadora Silva-
dc.date.accessioned2019-02-25T19:40:49Z-
dc.date.available2019-02-27T03:00:25Z-
dc.date.issued2017-06-29-
dc.identifier.citationVILARDO, Isadora Silva. Protagonistas negras na Rede Globo: a construção da identidade das mulheres negras no Brasil. 2017. 65 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Comunicação - Habilitação em Jornalismo) - Escola de Comunicação, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2017.pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11422/6612-
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio de Janeiropt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectMulherespt_BR
dc.subjectNegrospt_BR
dc.subjectTelenovelapt_BR
dc.subjectIdentidadept_BR
dc.titleProtagonistas negras na rede globo: a construção da identidade das mulheres negras no Brasilpt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.contributor.advisorLatteshttp://lattes.cnpq.br/2809165635300769pt_BR
dc.contributor.referee1Schramm, Luana Dias-
dc.contributor.referee2Santos, Suzy dos-
dc.description.resumoAnalisa as mulheres negras protagonistas das telenovelas exibidas na emissora de televisão Rede Globo. Procura-se apontar que traços da personalidade destas personagens são enaltecidos ou reduzidos e quais se assemelham ou não com os estereótipos criados ao longo da história da mulher negra em diáspora. O objetivo é entender quem é a mulher negra representada nas novelas para relacionar ao processo de construção de identidade da mulher negra real. Para isso, o enredo, os diálogos emblemáticos, a forma como as novelas tratam da raça e do gênero das personagens foram analisados a partir das tramas, da repercussão e da audiência das novelas. O trabalho inclui também o histórico da mulher negra no Brasil e da construção do estereótipo midiático da mesma. Esses elementos apontam para uma evolução principalmente em relação à quantidade de protagonistas, porém ainda trazem marcas do estereótipo e da subalternidade que sempre foi reservada a mulheres negras na televisão.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentEscola de Comunicaçãopt_BR
dc.publisher.initialsUFRJpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::COMUNICACAO::JORNALISMO E EDITORACAOpt_BR
dc.embargo.termsabertopt_BR
Appears in Collections:Comunicação - Jornalismo

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Ivilardo.pdf997.1 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.