Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/7560
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorSantos, Sergio Hampshire de Carvalho-
dc.contributor.authorSouza, Carlos Eduardo Lobo de-
dc.date.accessioned2019-04-30T13:03:03Z-
dc.date.available2019-05-02T03:00:11Z-
dc.date.issued2011-03-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11422/7560-
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio de Janeiropt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectDeslocamentos horizontais;pt_BR
dc.subjectNBR6118;pt_BR
dc.titleAnálise do efeito da segunda ordem em pilares segundo a NBR6118 e métodos exatospt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.contributor.referee1Longo, Henrique Innecco-
dc.contributor.referee2Reis, Francisco José Costa-
dc.description.resumoO dimensionamento de pilares de concreto armado é uma atividade comum na rotina dos engenheiros estruturais. Os cálculos para a armadura deste elemento são muitas vezes feitos a partir de ábacos, como os de Montoya, os quais nos fornecem a taxa de armadura da seção do pilar em função da força normal e dos momentos fletores. No entanto, estes esforços aplicados são apenas iniciais. O pilar em consequência das solicitações tende a flambar adquirindo um acréscimo de momento, devido aos chamados efeitos de segunda ordem, que correspondem ao esforço normal multiplicado pela deformada devida aos deslocamentos horizontais do pilar. Para avaliar o quanto este esforço é significativo, foram estabelecidos em norma critérios, em função da esbeltez do elemento de pilar. Esta esbeltez é comparada a um valor limite, cuja definição é fornecida pela norma NBR6118. Caso seja verificada a relevância do momento de segunda ordem, este momento pode ser calculado por método simplificado ou exato. A NBR6118 sugere quatro métodos diferentes que devem ser escolhidos de acordo com a esbeltez do pilar, os quais serão descritos neste trabalho. O presente trabalho se propõe a fazer um estudo exato dos momentos de segunda ordem. Para isto foram apresentados seis exemplos diferentes de pilares. E em todos eles foram desenvolvidos cálculos de acordo com todos os métodos previstos em norma, independentemente do índice de esbeltez do pilar. O objetivo é relacionar todos os resultados com o método exato, para se ter uma idéia da precisão de cada um. Além do efeito de segunda ordem, foi estudado também para todos os exemplos o caso da fluência, embora a análise deste fenômeno seja obrigatória,de acordo com a NBR6118, somente quando o índice de esbeltez é superior a 90.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentEscola Politécnicapt_BR
dc.publisher.initialsUFRJpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA CIVILpt_BR
dc.embargo.termsabertopt_BR
Appears in Collections:Engenharia Ambiental

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
monopoli10001425.pdf1,09 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.