Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/9832
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorBatista, Nilo-
dc.contributor.authorSilva, Isabella Miranda da-
dc.date.accessioned2019-09-26T16:50:45Z-
dc.date.available2019-09-28T03:00:17Z-
dc.date.issued2008-
dc.identifier.citationSILVA, Isabella Miranda da. “Em briga de marido e mulher ninguém mete a colher?”: uma análise das políticas criminais de violência doméstica sob a perspectiva da criminologia crítica e feminista. 2008. 85 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Direito) - Faculdade Nacional de Direito, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2008.pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11422/9832-
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio de Janeiropt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectViolência Domésticapt_BR
dc.subjectParadigma de Gêneropt_BR
dc.subjectCriminologia Feministapt_BR
dc.subjectDomestic Violencept_BR
dc.subjectParadigm of Genderpt_BR
dc.subjectFeminist Criminologypt_BR
dc.title“Em briga de marido e mulher ninguém mete a colher": uma análise das políticas criminais de violência doméstica sob a perspectiva da criminologia crítica e feministapt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.contributor.advisorLatteshttp://lattes.cnpq.br/7558568315744459pt_BR
dc.contributor.authorLatteshttp://lattes.cnpq.br/7662126557940767pt_BR
dc.description.resumoO presente trabalho tem como objeto de estudo as políticas criminais brasileiras implementadas no trato da problemática relativa à violência doméstica. Para tanto, utilizamos a perspectiva teórica da Criminologia Crítica e Feminista e suas contribuições sobre o paradigma social de gênero, relacionado à construção social do crime enquanto um processo interativo social. Fazemos, ainda, uma análise comparativa das políticas criminais relativas à lei 9099/95 e da nova legislação que versa sobre a violência doméstica, a lei 11340/06, intitulada lei Maria da Penha. Além disso, procuramos confirmar a formulação hipotética – lei Maria da Penha enquanto produtora de uma função simbólica penal, relacionada à teoria legitimante punitiva da prevenção geral positiva – procedendo às análises propostas através do instrumental metodológico multidisciplinar da Análise do Discurso, buscando compreender os interdiscursos que influenciaram nas condições histórico-político-sociais de produção da nova legislação em matéria de violência doméstica.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentFaculdade Nacional de Direitopt_BR
dc.publisher.initialsUFRJpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::DIREITO::DIREITO PUBLICO::DIREITO PENALpt_BR
dc.embargo.termsabertopt_BR
Appears in Collections:Direito

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
IMSilva.pdf464.75 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.