Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/13988
Type: Dissertação
Title: Efeito da granulometria e da litologia no comportamento de lastros ferroviários em laboratório e por análise computacional
Other Titles: A study of the PSD and lithology influence in the behavior of railway ballast in both laboratory and computational analysis
Author(s)/Inventor(s): Rosa, André Fardin
Advisor: Motta, Laura Maria Goretti da
Co-advisor: Aragão, Francisco Thiago Sacramento
Abstract: A granulometria e a litologia do material de lastro ferroviário têm influência direta no seu comportamento quando submetido ao carregamento gerado pela passagem de trens, sendo fator determinante na vida útil do pavimento ferroviário. No entanto, a maioria das especificações relacionadas à litologia e às distribuições granulométricas para lastro fornecem limites com critérios pouco claros, abrangendo materiais com comportamentos distintos. Visando estes aspectos, a presente dissertação analisa os resultados de deformação permanente, módulo de resiliência e quebra de partículas em verdadeira grandeza, com a montagem de um modelo físico e, em escala reduzida, com triaxiais cíclicos e o uso de granulometrias paralelas. Os resultados de cada um dos parâmetros foram analisados conjuntamente com dados da morfologia e de modelagens utilizando o Método dos Elementos Discretos (MED) e com o uso de tabelas de correlação para observar tendências e relações. Posteriormente foram realizadas análises mais aprofundadas, comparando com resultados da literatura e ajustando modelos matemáticos às variáveis de interesse. Os ajustes realizados indicaram alta correlação entre parâmetros das curvas granulométricas, a deformação permanente e a quebra de partículas, para todos os litotipos analisados. Foi identificado que a fração de tamanho intermediário da distribuição granulométrica governa os mecanismos de abrasão e lascamento, para ferrovias com carga por eixo de aproximadamente 20 tf.
Abstract: The particle size distribution (PSD) and lithology of the ballast layer has huge influence on its behavior when subjected to the load generated by trains, being a key factor in the lifespan of the railway pavement. However, most of the specifications related to lithology and granulometric distributions for ballast provide unclear limits, covering materials with different behavior. Aiming at these aspects, this work analyzes the results of permanent deformation, resilience modulus and particle breakage in real scale, using a physical model and, in reduced scale, with cyclic triaxial and the use of parallel granulometries. The results of each parameters were analyzed together with the morphology and data from computational models using the Discrete Elements Method (DEM) and with the use of correlation tables to observe trends and relationships. Subsequently, more in-depth analyzes were carried out, comparing with results from the literature and adjusting mathematical models to the variables of interest. The adjustments made indicated a high correlation between parameters of the PSD, the permanent deformation and the particle breakage, for all the lithotypes analyzed. It was identified that the intermediate size fraction of the PSD governs the mechanisms of abrasion and chipping, for railroads with axle loads around 20 tf.
Keywords: Lastro ferroviário
Modelo físico
Modelagem computacional
Subject CNPq: CNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA CIVIL
Program: Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil
Production unit: Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia
Publisher: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Issue Date: Mar-2019
Publisher country: Brasil
Language: por
Right access: Acesso Aberto
Appears in Collections:Engenharia Civil

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AndreFardinRosa.pdf11,07 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.