Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/5788
Tipo: Trabalho de conclusão de graduação
Título: Estudo do extrato aquoso de casca de cebola como inibidor de corrosão para o aço-carbono 1020 em diferentes meios
Autor(es)/Inventor(es): Ferreira, Kelly Cristina Ribeiro
Orientador: D´Elia, Eliane
Resumo: Este estudo avaliou a ação inibidora do extrato aquoso de casca de cebola na corrosão do açocarbono 1020 em solução 1 mol L-1 de HCl e em meio altamente salino. Foram realizados ensaios de perda de massa com variação de tempo, concentração e temperatura, eletroquímicos de curvas de polarização anódica e catódica e de impedância eletroquímica, além de análise da superfície do aço carbono por Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV) e teste para quantificação de compostos fenólicos. No meio ácido, os ensaios gravimétricos, apresentaram um aumento da eficiência de inibição com o tempo de imersão, concentração do extrato e temperatura. Os ensaios gravimétricos com variação de temperatura na presença do extrato mostraram uma diminuição da energia de ativação aparente associada ao processo de corrosão em relação ao branco, caracterizando assim, um mecanismo de adsorção química. A adsorção se adequou à Isoterma de Langmuir. Os ensaios de impedância eletroquímica mostraram que os valores da resistência de transferência de carga aumentaram na presença de inibidor, atingindo 94% de eficiência de inibição na presença de 300 mg L-1 do extrato. O deslocamento do potencial de corrosão e a ação inibitória em ambas as curvas de polarização anódica e catódica mostraram que o extrato da casca de cebola atuou como inibidor do tipo misto. A análise de superfície evidenciou a ação protetora do extrato pela menor rugosidade da superfície. Para o meio altamente salino, foram realizados ensaios gravimétricos e ensaios eletroquímicos. Os ensaios gravimétricos em diferentes concentrações apresentaram uma eficiência satisfatória de no máximo 73%. Os ensaios de impedância eletroquímica mostraram que os valores da resistência da transferência de carga aumentaram na presença do inibidor, atingindo 82,3% na presença de 400 mg L -1.
Palavras-chave: Casca de cebola
Inibidor de corrosão
Aço-carbono 1020
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::QUIMICA::FISICO-QUIMICA::ELETROQUIMICA
Departamento: Instituto de Química
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: 19-Fev-2018
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/5788
Aparece nas coleções:Química

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Kelly Cristina Ribeiro Ferreira.pdf736,85 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.