Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/6722
Type: Dissertação
Title: Estudo comparativo de algumas linguagens de indexação: eficacia e tempo de pesquisa
Author(s)/Inventor(s): Piedade, Maria Antonieta Requião
Advisor: Lancaster, Frederick Wilfrid
Abstract: Teste comparativo de recuperação da informação através das linguagens KWIC, Uniterm, Cabeçalhos de Assunto, Classificação Decimal de Dewey, Classificação Decimal Universal e Classification of Librarianship and Information Sciences. Foram selecionados 100 documentos brasileiros sobre biblioteconomia e ciência da informação e preparados 6 índices, segundo as linguagens indicadas no parágrafo anterior. Oito bibliotecários prepararam 10 perguntas respondíveis por um ou mais documentos da coleção-teste. Sessenta alunas da Faculdade de Biblioteconomia e Documentação da Universidade Santa Úrsula, divididas em 6 grupos de 10, pesquisaram nos 6 índices, para encontrar documentos que respondessem às 10 perguntas formuladas. Cada pesquisador anotou: tempo de pesquisa, entradas procuradas, documentos selecionados para exame e documentos que, de fato, respondem ao perguntado. A esses dados foi acrescentado o número de documentos registrados sob cada uma das entradas procuradas. Computaram-se os dados coletados e obtiveram-se os números relativos a cada sistema. Pelo exame dos dados observou-se que os sistemas alfabéticos (KWIC, Uniterm e Cabeçalhos de Assunto) tiveram melhor desempenho do que os sistemas classificados e que, entre estes, a melhor atuação coube à classificação facetada. Quanto ao sucesso na Pesquisa, os sistemas se escalonaram: Cabeçalhos de Assunto (96%), Uniterm (94%), KWIC (85%), Classification of Librarianship and Information Sciences (84%), Classificação Decimal Universal (75%) e Classificação Decimal de Dewey (73%). O exame das falhas de recuperação mostrou que foram devidas a falhas humanas, na pesquisa ou na indexação, e não originárias de defeitos das próprias linguagens. A preferência dos pesquisadores favoreceu Cabeçalhos de Assunto. Os resultados finais revelaram Cabeçalhos de Assunto como o melhor desempenho em 5 das 6 variáveis estudadas, e como o segundo na sexta.
Abstract: Por fazer.
Keywords: Linguagem de indexação
Estudo comparado
Biblioteconomia
Subject CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::CIENCIA DA INFORMACAO
Program: Pós-Graduação em Ciência da Informação
Department : Escola de Comunicação
Publisher: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Issue Date: 1976
Publisher country: Brasil
Language: por
Right access: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/6722
Appears in Collections:Ciência da Informação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
276902.pdf8,77 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.